28 de ago de 2011

Ventania na madrugada em Porto Alegre, superou os ventos provocados pelo Furacão Irene em NY

Estação do Prefeitura em Belém Novo registrou rajada de 110,1 km/h

correiodopovo

Porto Alegre teve vento mais intenso durante o temporal na madrugada deste domingo do que o observado nas três principais estações meteorológicas da cidade de Nova York, onde atuava a tempestade tropical Irene, rebaixada da categoria de furacão. A estação do Sistema Metroclima da Prefeitura da Capital em Belém Novo registrou rajada de 110,1 km/h por volta das 4h da madrugada de hoje. Já em Nova York as velocidades máximas de vento observada neste domingo foram de 96,3 km/h no Central Park (Manhattan), 93,3 km/h no Aeroporto John F. Kennedy (Queens) e 103,3 km/h no Aeroporto La Guardia (Queens), segundo dados das estações automáticas publicados pelo National Weather Service dos Estados Unidos.

"A grande diferença é que Nova York foi afetada por vento intenso por horas seguidas enquanto aqui em Porto Alegre as rajadas mais fortes duraram poucos minutos", explicou o meteorologista Luiz Fernando Nachtigall da MetSul Meteorologia. Segundo ele, Nova York foi atingida por uma tempestade tropical que pouco antes de alcançar a cidade era um furacão em processo de enfraquecimento que espalhou mortes e destruição na costa Leste americana. Já Porto Alegre teve rápido vendaval por conta do avanço de uma frente fria associada a um sistema de baixa pressão no Oceano Atlântico.

"Uma forte corrente de jato (vento) em baixos níveis da atmosfera atuava sobre a área de Porto Alegre, trazendo vento de até 100 km/h ou mais a cerca de 1500 metros de altitude, nas horas e minutos que antecederam o temporal da madrugada", disse Nachtigall. "Quando se tem este tipo de corrente há ingresso de ar quente de Noroeste e aumenta a divergência de vento na atmosfera, agravando muito o risco de tempestades", complementou.

Outra diferença gritante entre Porto Alegre e Nova York, cujas condições de tempo severo tiveram causas completamente distintas, foi a chuva. O temporal das 4h de hoje trouxe baixos acumulados de precipitação para a Capital enquanto em Nova York a tempestade Irene provocou volumes altíssimos de chuva na cidade de 150 a 200 milímetros em alguns pontos.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails